"Precisamos de pensar, com ideias inovadoras, de que forma vamos abraçar as pessoas que vêm de fora


04 de Outubro de 2018, ás 09:32 escrito por UECPLP



O secretário de Estado para a Inovação e Formação Profissional, Pedro Lopes reiterou quinta-feira que o país quer chegar a um milhão de turistas, mas para tal tem que estar preparado.

“A inovação e a transformação digital já são aliados do turismo e vão sê-los no futuro”, disse o governante num acto realizado na Cidade da Praia para assinalar o Dia Mundial do Turismo, que decorreu sob o lema “Turismo e Transformação Digital”.

Para Pedro Lopes, há que incentivar os jovens a desenvolver “ideias inovadoras” para abraçarem o futuro de Cabo Verde.

“Precisamos de pensar, com ideias inovadoras, de que forma vamos abraçar as pessoas que vêm de fora”, afirmou o governante, referindo-se ao fluxo de turista que o país poderá receber no futuro.

Na sua perspectiva, Cabo Verde tem que empreender, mas isto não deve ser uma “bandeira de retórica”.

“A responsabilidade das gerações é deixar marcas nos seus países” realçou Pedro Lopes, ao mesmo tempo que perguntava aos jovens presentes qual é a marca que querem deixar a Cabo Verde.

Segundo ele, em Cabo Verde há que pensar como servir os outros “com qualidade e de forma diferente”.

“O turismo só terá valor acrescentado para os nossos jovens se souberem utilizar a inovação para servir as pessoas que vão nos visitar”, declarou o governante.

No encontro, além de técnicos ligados às novas tecnologias, estiveram também presentes operadores turísticos de diversas áreas, como hotéis e agências de viagens.

 

Notícia: expressodasilhas.cv


Procurar