Cabo Verde reúne apoio chinês para construção da Zona Especial de Economia Marítima


11 de Setembro de 2018, ás 09:50 escrito por UECPLP



Ulisses Correia e Silva foi peremptório em afirmar que deseja contar com a ajuda de instituições financeiras chinesas

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, deu conta na sua página na rede social Facebook da reunião com representantes do Banco de Desenvolvimento da China (CDB), “uma das maiores instituições financeiras do desenvolvimento do mundo”.

Na referida publicação, O Chefe do Governo não se coibiu de referir que o Cabo-Verde almeja elevar as relações com a China e transformar-se num importante parceiro económico e estratégico deste país, referindo-se especificamente à construção conjunta da Zona Especial de Economia Marítima de São Vicente (ZEEMSV).

Referindo-se a este investimento, Ulisses Correia e Silva foi peremptório em afirmar que deseja contar com a ajuda de instituições financeiras chinesas, nomeadamente o Banco de Desenvolvimento da China revelando ter recebido “total abertura em partilhar a sua grande experiência em financiamento de construção de infraestruturas do género”, bem como no desenvolvimento de “uma profícua cooperação neste sector”.

 

Notícia: anacao.cv


Procurar