Angola vai negociar com FMI acordo de 4,5 mil milhões USD


31 de Agosto de 2018, ás 09:42 escrito por UECPLP



 
Angola vai discutir com o FMI um programa de financiamento ampliado no valor de 4,5 mil milhões de dólares, no quadro da assistência financeira solicitada pelo Executivo angolano.

Segundo Archer Mangueira, Ministros das Finanças, caso Angola chegue a uma conclusão com a instituição de Bretton Woods, este montante será disponibilizado em tranches de 1,5 mil milhões de dólares em cada ano.


O governante esclareceu que este programa ampliado, surge depois do acordo de Stand-by negociado pelo Executivo angolano e o FMI em 2008 e, visa fundamentalmente a consolidação do ajustamento fiscal.


O programa de reforma fiscal em curso, acrescentou, centra-se na estabilidade das reservas internacionais líquidas, o que tem permitido garantir uma operação mais eficiente por parte dos agentes económicos.


Ao nível do sistema financeiro, o Executivo pretende continuar com as medidas de regulação e supervisão do sistema bancário, visando a redução do crédito malparados e reforçar o sistema de compliance.


O programa contempla também as medidas já existentes e que vão ser reforçadas com a criação de um melhor ambiente de negócios, cuja base legal foi já criada com a publicação pelo Executivo de uma lei sobre a concorrência e um novo instrumento sobre o investimento estrangeiro

 

Notícia: angonoticias.com


Procurar